- Ano VI - nº 1 (52) - Dezembro 2011 / Janeiro de 2012.                                             Direção: Osiris Costeira

RECOMECE A SUA VIDA TODOS OS DIAS

Todos os anos no mês de Dezembro, perto do Natal e Ano Novo, como agora, temos o hábito de fazer planos infalíveis para começar, em 1º de Janeiro, determinada atividade que – não se sabe por que – não se iniciou ao longo do ano.

E aquela ginástica fantástica será executada “religiosamente” na academia para perder uns “quilinhos”, cigarro “nunca mais”, comida só balanceada e com o mínimo de gordura, trabalho para fazer em casa “nem pensar”, domingo é para relaxar e passear com a família, etc., etc., etc.

E não só isso, mas as famosas arrumações de gavetas e armários são planejadas para jogar fora toda a tralha guardada desnecessariamente ao longo do ano. Há vários anos.

E esse ritual se repete num cerimonial que já faz arte da “liturgia” do Fim de Ano.

E nada arrumamos, nada jogamos fora e nada (re)começamos, pelo menos com a assiduidade de mais de uma semana. É sempre assim. A mesmice de sempre. Mas reclamamos que “precisamos mudar” e “recomeçar tudo de novo”.

Para que possamos mudar isso tudo, e recomecemos uma infinidade de pequenas coisas que necessitamos “realmente” recomeçar, sugiro que seja feito diariamente, a cada manhã em que acordamos e damos Bom Dia ao dia que se inicia, e não apenas a partir do dia 1º de Janeiro.

E não necessariamente para grandes projetos – “definitivos” – mas objetivando pequenas coisas que possamos realizar, com consciência da sua importância e com a sabedoria de que se não completarmos hoje recomeçaremos amanhã, e todos os dias se for necessário. E tudo com uma única finalidade: estar de bem com a Vida e saborear a sensação de Paz.

É preciso que entendamos que cada dia que nasce é um dia novo de aprendizado e uma nova gaveta que arrumamos, sem deixar que coisas velhas tomem conta de tudo. E coisas velhas significam coisas sem serventia, ultrapassadas, desnecessárias, porque todo dia é dia de se desconstruir o passado de coisas velhas. É reconstruir o hoje de coisas novas. Tudo isso para construirmos o amanhã. O futuro. Um futuro feliz.

E, sugiro ainda, que o recomeço de cada manhã represente o desejo de doar Amor às pessoas e, principalmente, a si próprio, para que possamos e saibamos recebê-lo dos outros e saborear a Paz. E isso porque só há Paz quando há Amor.

Que haja muito Amor na vida de todos nós. E muita Paz. Amém.

 

 

CONTATO

fale conosco, tire suas dúvidas, fale com os terapeutas, opine sobre os artigos e dê sua sugestão de conteúdo.

BIBLIOTECA/LINKOTECA SELECIONADA

Nosso objetivo é formar um banco de referências bibliográficas das diferentes Terapias Holísticas, para consulta de todos os interessados em mais detalhes sobre determinado assunto. Seria muito importante, e verdadeiramente interativo, se recebessemos sugestões , objetivando uma das finalidades do site Terapia de Caminhos que é compartilhar experiências e conhecimento. Clique aqui para acessar a terapia que deseja uma bibliografia selecionada para consultas.

"As opiniões emitidas nos textos do site são de exclusiva responsabilidade de seus autores".